Make your own free website on Tripod.com

 

Qual a diferença entre "ORAÇÃO" e

"PENSAMENTO POSITIVO" ??

Alguns cristãos misturam, consciente ou inconscientemente as duas práticas. O cantor Roberto Carlos, p. ex., se negou a aceitar as evidências de um câncer generalizado e repetia sem parar que Deus e suas orações iriam salvar a esposa. Roberto, assim como tantos outros, talvez tenham se apoiado naquela palavra de Jesus: "Tudo o que vocês pedirem em oração, creiam que já o receberam, e assim lhes sucederá." (Mc 11.24). - No entanto, outros textos e, a própria experiência cristã mostram que, às vezes, mesmo não havendo fé, Deus cura. É uma manifestação da sua imensa graça. Outras vezes, mesmo havendo fé, ele não cura. É uma manifestação da sua imensa soberania.

Será que é tudo uma questão de "tamanho da fé" ?

Qual a diferença entre FÉ e PENSAMENTO POSITIVO ?

O que acontece quando as coisas são confundidas ?

Dois exemplos de como NÃO se deve orar:

Marcos 9.22 - DESCONFIANÇA

Lucas 18.11-12 - "De sí para sí mesmo..." - ORGULHO.

Dois exemplos de como é a ORAÇÃO CRISTÃ:

Lucas 18.13-14 - SINCERIDADE + CONFIANÇA.

Marcos 1.40 - "Se quiseres, pode purificar-me" - ENTREGA / SUBMISSÃO.

Precisamos da e da SUBMISSÃO. Não só da fé. Toda vez que anunciamos forçada e prematuramente uma cura que não aconteceu nem vai acontecer, estamos aumentando a incredulidade dos incrédulos e atiçando a zombaria deles. Por isso, como cristãos, devemos orar e testemunhar aos quatro ventos:

"DEUS, SEJA FEITA A TUA VONTADE."