Make your own free website on Tripod.com

 

   História de mulheres na Bíblia

UM POEMA: Muitas mulheres brasileiras sentem-se como esta que escreveu o seguinte poema:

Descompasso.

Me querem mãe, e me querem fêmea.

Me querem líder, e me fazem submissa.

Me fazem omissa, e me cobram participação.

Me impedem de ir, e me cobram a busca.

Me enclausuram nas prendas do lar, e me cobram conscientização.

Mo tolhem os movimentos, e me querem ágil.

Me castram os desejos, e me querem no cio.

Me tolhem o canto, e me querem música.

Me apertam os cintos, e me cobram liberalidade.

E me atrofiam e cobram.

-E as crianças?

-Me impedem de ir.

-Mais tarde, um dia!

Me impõem modelos, gestos,

atitudes e comportamentos.

E me querem única.

Me castram, podam, falam, e decidem por mim.

E me querem plena...

O QUE VOCÊ ACHA DESTE POEMA ??

Vamos ler o texto de Êxodo 1.15-22: (BLH)

O rei do Egito deu a Sifrá e a Puá, que eram parteiras das mulheres israelitas, a seguinte ordem:

-Quando vocês forem ajudar as mulheres israelitas nos seus partos, façam o seguinte: se nascer um menino, matem; mas, se nascer uma menina, deixem que viva.

Porém as parteiras temiam a Deus e não fizeram o que o rei do Egito havia mandado. Ao contrário, deixaram que os meninos vivessem.

Então o rei mandou chamar as parteiras e perguntou: -Por que vocês estão fazendo isso? Por que estão deixando que os meninos vivam?

Elas responderam: -É que as mulheres israelitas não são como as egípcias. Elas dão à luz com facilidade, e as crianças nascem antes que a parteira chegue.

(20-21) As parteiras temiam a Deus, e por isso ele foi bom para elas e fez que tivessem as suas próprias famílias. E o povo de Israel aumentou e se tornou muito forte.

Então o rei deu a seguinte ordem a todo o seu povo: -Joguem no rio Nilo todos os meninos israelitas que nascerem, mas deixem que todas as meninas vivam.

PERGUNTAS PARA DIÁLOGO:

Quem eram as mulheres hebréias? Qual a situação de vida delas? Como eram vistas e reconhecidas como mulheres?

Quem eram as mulheres egípcias? Qual a situação de vida destas mulheres? Como elas eram vistas e reconhecidas?

Quem eram as parteiras? Qual a sua função na sociedade? Que reconhecimento recebiam do governo / faraó?

Qual a postura das mulheres parteiras perante a ordem do faraó?

Com segurança EM QUE e EM QUEM as parteiras persistiram?

Que exemplo de vida as mulheres hoje podem tirar deste texto bíblico?

 

Credo da Mulher

Creio em Deus, que criou a mulher e o homem à sua imagem,

que criou o mundo e recomendou aos dois sexos o cuidado da terra.

(Gn 1-2)

Creio em Jesus, filho de Deus, nascido de uma mulher, Maria,

que escutava as mulheres e as apreciava,

que morava em suas casas e falava com elas sobre o Reino,

que tinha mulheres discípulas

que o seguiam e o ajudavam com os seus bens.

(Mt 27.55; Lc 10.38)

Creio em Jesus,

que falou de teologia com uma mulher junto a um poço,

e lhe revelou, pela primeira vez, que ele era o Messias,

que a motivou a ir e contar as grandes novas à cidade.

(Jo 4.7ss)

Creio em Jesus, sobre quem uma mulher derramou perfume em casa de Simão,

que repreendeu aos homens convidados que a criticavam;

creio em Jesus, que disse que essa mulher seria lembrada

pelo que havia feito: servir a Jesus.

(Mt 26)

Creio em Jesus, que curou uma mulher no sábado,

e lhe restabeleceu a saúde, porque era um ser humano.

(Lc 13.10ss)

Creio em Jesus, que comparou Deus

com uma mulher que procurava uma moeda perdida,

com uma mulher que varria, procurando a sua moeda.

(Lc 15.8ss)

Creio em Jesus, que considerava a gravidez e o nascimento com veneração,

não como um castigo, mas como um acontecimento desgarrador,

uma metáfora de transformação, um novo nascer

da angústia para a alegria.

(Mt 24.8; Jo 3.4s)

Creio em Jesus que se comparou à galinha choca

que abriga os seus pintinhos

debaixo de suas asas.

(Mt 22.37)

Creio em Jesus, que apareceu primeiro à Maria Madalena

e a enviou a transmitir a assombrosa mensagem da ressurreição:

Ide e contai.

(Lc 24)

Creio na universalidade do Salvador, em quem não há judeu nem grego,

escravo nem homem livre, homem nem mulher,

porque todos somos um na salvação.

(Gl 3.28)

Creio no Espírito Santo,

que se move sobre as águas da criação e sobre a terra.

Creio no Espírito Santo,

o espírito feminino de Deus,

que nos criou, e nos fez nascer,

e qual uma galinha nos cobre com suas asas.