Make your own free website on Tripod.com

 

1 Samuel 3.1-10, 19      2o dom. ap. EPIFANIA

A GRAÇA DO SR. JESUS CRISTO, A COMUNHÃO DO E.S. E O AMOR DE DEUS O PAI SEJAM COM TODOS VOCÊS. Amém.

(texto) - EPIFANIA = tempo de revelação. O texto de hoje nos leva à reflexão sobre os meios de revelação de Deus, e sobre o que Ele espera de nós. O texto bíblico trata da revelação de Deus ao jovem Samuel. Samuel vivia no templo, junto ao sacerdote ELÍ. Lá no templo, Samuel queria servir ao Senhor.

No entanto, ele vive num momento meio instável, porque há muito tempo já Deus não se revelava mais através de visões. O texto nos diz ainda que, a palavra de Deus era muito rara! Assim, é provável que o povo todo estava com muitas dúvidas, inseguros, e se perguntavam: "será que Deus ainda age na nossa história?" "Será que Deus existe, de fato?!" - Diante destas dúvidas, os profetas de Deus também ficaram meio sem crédito. Mas é alí, nessa situação de dúvidas e descrédito, é que Deus levanta um novo profeta: Samuel.

Notem bem: o sacerdote, Elí, não é um profeta; mas sim o seu seguidor Samuel é que se torna profeta de Deus.

O texto bíblico nos dá a entender que Samuel não conhecia Deus (!); ele não reconhece a voz de Deus. Mas, sabemos que, depois quando Samuel reconhece a voz de Deus, ele passa a ser sua testemunha fiel. - Esta é a dinâmica de Deus com seus profetas(!): O profeta é CHAMADO, depois ele COLOCA-SE À DISPOSIÇÃO PARA OUVIR a mensagem de Deus e, a seguir, o profeta OBEDECE a vontade de Deus.

Ainda hoje Deus chama profetas! E eu diria ainda, ESPECIALMENTE hoje. No último ano do milênio, há tantas vozes enganadoras se levantando... No último ano do milênio , o povo também vive momentos de DÚVIDAS, um clima de INQUIETAÇÃO e DESCONFIANÇA. É por isso que Deus hoje continua concedendo o DOM DA PROFECIA às pessoas. - No entanto, assim como Samuel, há muitas pessoas que são chamadas, mas não estão entendendo e reconhecendo a voz de Deus!! Essas pessoas que são escolhidas e chamadas por Deus, elas precisam de sacerdotes como Elí, a fim de clarear os seus caminhos. Em outras palavras: Deus usa sacerdotes (hoje PASTORES / PADRES) a fim de chamar e encorajar novos profetas.

Ser profeta numa nação não é tarefa fácil! Ainda mais quando Deus coloca à frente as profecias de castigo ou de maldição por descumprimento da lei e da ordem de Deus. Não é nada fácil aceitar palavras de maldição..(!).. E quem são os nossos profetas e profetisas de hoje? Nós acreditamos que eles/elas são servos/as de Deus? Hoje Deus nos desafia a dar crédito aos profetas que estão no meio do povo!! Hoje Deus nos faz refletir: Por que aceitamos com alegria as palavras de bênçãos, e não aceitamos as palavras que nos alertam para a maldição se não seguirmos a ordem de Deus?! Os profetas e as profetisas de Deus hoje, são todos aqueles que ao nosso redor lutam pela VIDA, aqueles que denunciam as injustiças do mundo, e que chamam para uma mudança de vida. - À um passo do novo milênio, nós não podemos apenas cultuar as grandes conquistas deste século (como a mídia faz); nós não podemos apenas dar atenção às falsas promessas de paz que o mundo oferece, e a idéia de que está tudo muito bom e bonito... Não podemos fechar os olhos e ouvidos fazendo de conta que a globalização não é um processo injusto... Ouçamos as vozes dos profetas! É Deus falando através deles, e, se prestarmos um pouco de atenção, ouviremos muitos profetas ao nosso redor. E o Espírito Santo nos dá a capacidade de discernir entre as profecias que vêm de Deus (que defendem a vida) e as falsas profecias.

Em dezembro, na semana do Natal, um profeta de Deus escreveu no Jornal do Brasil a seguinte pergunta: "No ano 2000, o que fazer com as crianças-urubús??" Em seguida ele escreveu: "Cerca de 50 mil meninos e meninas de 8 a 14 anos passam o dia catando lixo aqui no Brasil, convivendo com o perigo de doenças e acidentes. São as crianças-urubús, atrás de objetos para vender e complementar a renda familiar". - Esta é uma profecia. Ela aponta para uma injustiça contra a vida de pessoas. E através deste profeta, Deus está me perguntando: Você acha que pode omitir-se diante destes fatos, e tantos outros?

-Neste novo ano, os profetas de Deus nos convidam a ouvir a vontade de Deus, a colocar pesos na balança da vida, e perguntar para sí mesmo: O que posso modificar no meu agir, a fim de que o Reino de Deus possa ser implantado?

O que Deus está esperando de mim? Estou a fim de ser um profeta de Deus, um defensor da VIDA? Estou a fim de obedecer a Deus e ter Jesus Cristo como meu único Senhor e Salvador? - Se digo "SIM", isto requer obediência irrestrita. Aqui não pode haver dúvidas! A palavra "SERÁ" não pode fazer parte dos pensamentos e do coração do cristão. Não há dúvidas da ação de Deus! Deus cumpre o que promete: Seja bênção, ou seja maldição, nós temos que estar conscientes de que nenhuma das duas são atos banais de Deus. Tanto a bênção quanto a maldição dependem da minha / nossa responsabilidade! Tanto a bênção quanto a maldição dependem do meu e do nosso cumprimento do mandamento maior deixado por Jesus: "Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento... Amarás o teu próximo como a tí mesmo."

E QUE A PAZ DE DEUS, QUE EXCEDE TODO O ENTENDIMENTO, GUARDE NOSSOS CORAÇÕES E MENTES EM CRISTO JESUS. Amém.